AUXÍLIO EMERGENCIAL DE VOLTA? | Luiza Trajano quer vacinar todo o Brasil | Banco Central autonômo?

#AUXÍLIO #EMERGENCIAL #VOLTA #Luiza #Trajano #quer #vacinar #todo #Brasil #Banco #Central #autonômo
𝗕𝗹𝗼𝗴 𝗝𝗡: link➤https:jovensdenegocios.com/
𝗣𝗿𝗶𝗻𝗰𝗶𝗽𝗮𝗶𝘀 𝗻𝗼𝘁í𝗰𝗶𝗮𝘀:
00:38 Câmara aprova autonomia do Banco Central
03:00 Vírus que é semelhante ao COVID-10 foi encontrado em morcegos em santuário na Tailândia
03:27 Luiza Trajano lança movimento para vacinar todos os brasileiros até setembro
04:05 Clubhouse: a rede social de áudio que virou febre nos últimos dias
04:58 Tesla compra US$ 1,5 bi de BITCOIN e criptomoeda dispara 15%
06:05 Novo auxílio emergencial para 2021
——————————————————————
A Câmara dos Deputados aprovou, na última quarta-feira (10), o texto principal do Projeto de Lei 19/2019, que prevê a autonomia do Banco Central.  Com 339 votos a 114, a medida agora segue para a sanção do presidente Jair Bolsonaro. 

A medida tem sido muito defendida pelo Ministro da Economia, Paulo Guedes, como uma forma de controlar melhor a inflação. Para Guedes, um Banco Central autônomo garante que a pressão inflacionária de preços temporária e setorial, observada principalmente nos alimentos e materiais de construção, não se torne uma alta permanente e generalizada.

E o que muda?

Bom, casa haja a sanção de Bolsonaro, o que tudo indica que ocorrerá sem problemas, mesmo porque esse foi um dos projetos no qual o próprio Bolsonaro pediu prioridade na semana passada, a principal mudança é em relação aos mandatos do presidente e dos diretores do Banco Central. No modelo atual, o presidente da República pode indicar esses cargos a qualquer momento. Já pelo novo projeto, as indicações seguem sendo feitas pelo presidente da República, porém submetidos à aprovação pelo Senado Federal. O presidente e diretores do BC, terão mandatos fixos, e que não coincidem com o mandato do presidente da República. Além disso, não poderão ser demitidos pelo presidente da República durante seus mandatos. Essa demissão aconteceria apenas em caso de irregularidades e teria de ser realizada pelo Senado.

Com esse modelo, os dirigentes não sofreriam pressão política para tomar qualquer medida sobre assuntos como valor do dólar ou juros bancários.


O projeto define ainda novos objetivos para o BC, além da garantia de estabilidade de preços e do controle da inflação. Pela proposta, o BC também deve zelar pela estabilidade e eficiência do sistema financeiro, manter o crescimento econômico e incentivar a geração de empregos.
——————————————————————
Tesla informou que comprou US$ 1,5 bilhão de bitcoin. E claro, como era de se esperar, após o anúncio, a criptomeda teve uma valorização de 15%, chegando a valor US$ 44 mil.
E tem mais, a montadora de carros elétrico também afirmou que começará a aceitar pagamentos na criptomoeda, “sujeitos às leis aplicáveis e inicialmente de forma limitada”.
E parece que essa pode se tornar uma nova tendência!
Em nota aos clientes do banco de investimentos que é parte do grupo Royal Bank of canada, o analista Mitch Steves afirma que a gigante da tecnologia poderia ver suas ações subirem 25% caso decida investir no mercado de criptoativos. Mitch afirma que existe uma “clara oportunidade” para a Apple começar a oferecer serviços de compra e venda de bitcoin e outros criptoativos. Segundo ele, a Apple já possui um aplicativo para isso — o Wallet — e, com ele, poderia oferecer um ambiente seguro e eficiente que já é utilizado por milhões de pessoas.
——————————————————————
O presidente Jair Bolsonaro admitiu publicamente pela primeira vez nesta segunda-feira (8) que o governo está negociando a retomada do auxílio emergencial ou algum tipo de ajuda financeira a pessoas que ficaram desamparadas durante a pandemia do novo coronavírus.
O Bolsonaro declarou reconhecer que estamos no limite do endividamento, ainda temos pela frente dois problemas: o vírus e o desemprego.
Desde o ano passado, Bolsonaro vinha se posicionando contrariamente à prorrogação do auxílio emergencial, justamente pelo impacto que a medida assistencialista causou na economia. Mas, diante do avanço do número de casos e mortes por covid-19 desde o fim do ano passado, que deve postergar a recuperação da economia e do mercado de trabalho, a medida voltou a ser discutida.


FONTEDuração do vídeo:

Axtudo
Axtudohttps://www.axtudo.com/
“Solidários, seremos união. Separados uns dos outros seremos pontos de vista. Juntos, alcançaremos a realização de nossos propósitos.” (Bezerra de Menezes)
———-

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Captcha *Captcha loading...

Top de Hoje